Esquizodrama e dramatização: contribuições do método de preparação de atores de Fátima Toledo

Tipo de recurso
Autor ou contribuidor
Título
Esquizodrama e dramatização: contribuições do método de preparação de atores de Fátima Toledo
Resumo
A dramatização é um recurso importante utilizado no esquizodrama; contudo, as referências brasileiras são pouco acessadas. Dessa forma, o objetivo desse artigo é conhecer o Método de preparação de atores de Fátima Toledo, para discutir possíveis contribuições ao esquizodrama de Gregorio Baremblitt. O que seu trabalho pode nos ensinar para as práticas de dramatização nas intervenções clínicas e psicossociais? O método utilizado foi uma revisão bibliográfica sobre sua obra e discussão teórica. Dentre os diversos pontos de conexão que podem ser encontrados, discutimos quatro: 1- a incitação de processos de desterritorialização; 2- a expressão de devires-animais; 3- a produção de uma zona de vibração contínua e 4- a estratégia situacional corporal. Concluímos que o Método de Fátima Toledo pode ser uma valiosa ferramenta para o trabalho esquizodramático.
Título da publicação
Mnemosine
Volume
19
Edição
1
Data
2023-05-22
Abreviatura do periódico
Mnemosine
ISSN
1809-8894
Título curto
Esquizodrama e dramatização
Data de acesso
29/09/2023 12:00
Catálogo de biblioteca
DOI.org (Crossref)
Citation 'apa'
Hur, D. U. (2023). Esquizodrama e dramatização: contribuições do método de preparação de atores de Fátima Toledo. Mnemosine, 19(1). https://doi.org/10.12957/mnemosine.2023.76218
Citation 'abnt'
HUR, D. U. Esquizodrama e dramatização: contribuições do método de preparação de atores de Fátima Toledo. Mnemosine, v. 19, n. 1, 22 maio 2023.